Bem-vindo ao Noah Centineo Brasil, o seu primeiro site dedicado ao ator Noah Centineo no Brasil e no mundo! Aqui você vai encontrar diversos vídeos, entrevistas, fotos e notícias. Acesse também a nossa galeria para diversas fotos em HQ do Noah como photoshoots, candids e muito mais! Site criado de fãs para fãs. Acompanhe nossas redes sociais para ter sempre o melhor conteúdo.

Um dia depois de começar as caracterizações para a sequência de Para Todos os Garotos que Já Amei em Vancouver, Noah Centineo retorna a Los Angeles no dia 23 para a premiação Kids Choice Awards. Sem passar pelo famoso tapete laranja, Noah foi direto para plateia se sentar com sua mãe Kellee Janel.

(Clique nas fotos para ser direcionado a nossa galeria)

Com um look completamente estiloso e confortável, usando uma combinação de calça jeans e camiseta preta com uma camisa xadrez, Noah recebeu seu primeiro prêmio como Ator Favorito com Para Todos os Garotos que Já Amei. O prêmio foi entregue por sua amiga e parceira de cena Lana Condor, o ator foi super recebido pela gritaria a agitação dos fãs e fez um discurso inspirador, você confere tudo a seguir:

Confira algumas fotos dos momentos do Noah no KCA

(Clique nas fotos para ser direcionado a nossa galeria)

 

   

As fotos do Noah para a W Magazine estão em nossa galeria:

Alguém teve um 2018 melhor que Noah Centineo? Depois dos 12 meses, o garoto de 22 anos se transformou em um dos atores mais requisitados de Hollywood, graças a sua participação nos dois originais Netflix, Para Todos os Garotos que Já Amei e Sierra Burgess é uma Loser – e, no processo, se tornou o crush da internet. “Eu não”, o nativo da Florida discorda. “O personagem que é o sonho”. Modéstia a parte, tem algo inegável sobre o carismático ator, que também tem alguns truques na manga, como a historia do seu primeiro beijo.

Aqui, Noah Centineo compartilha essa história, como também conta a sua música preferida para cantar no karaokê, seu crush do cinema, e os conselhos que ele gostaria de dar para os seus personagens.

Qual foi o seu primeiro trabalho atuando?

Eu acho que eu tinha 11 anos na primeira vez que trabalhei em um filme. Eu sai da escola quando eu tinha 13 anos, na oitava série para vir para Los Angeles para fazer testes. Eu fazia 2 ou 3 audições todo dia durante uns 3 meses e não consegui nada. Nem uma ligação

Qual foi o momento em que tudo mudou?

Eu decidi mudar para LA quando eu tinha 15 anos. Eu tinha trabalhado em Austin & Ally na Disney. Eu consegui só uma fala. Se você olhar direito, da pra ver a minha mão tremendo. Mas a uma fala se transformou em pelo menos cinco, e pelo menos cinco virou a estrela convidada. A estrela convidada se tornou algo constante durante a primeira temporada. Eu me tornei um personagem na historia e eu ainda vivia na Florida e voava para gravar. E respondendo a sua pergunta, o grande momento foi depois de fazer essa série. Eu olhei para os meus pais e disse, “Eu quero me mudar para LA. Eu quero fazer isso, eu vou fazer sucesso. Eu quero fazer disso uma carreira.” E, como sempre, eles me apoiaram.

Me conta sobre os filmes que você fez agora na Netflix.

Para Todos os Garotos que Já Amei é um dos filmes que eu estrelei agora na Netflix. O outro é Sierra Burgess é uma loser. Os dois são comedias românticas jovem adultas, e inspirada no John Hughes. Eu fiz os dois com dois meses e meio de intervalo – o que é incrível- e os dois foram feitos por produtoras independentes. E aconteceu dos dois serem vendidos para a Netflix. Aconteceu também dos dois serem do mesmo gênero e nos dois eu faço papéis parecidos, o mesmo arquétipo na estrutura do roteiro.

Você é o mocinho nos dois

Eles são carinhosos. Emocionalmente disponíveis também. Eu diria que Peter Kavinsky precisa aprender a dizer não para a sua ex. Tudo podia ter sido resolvido quando ela disse “Você dormiu no quarto dela!” E eu falasse “Não, eu conversei com ela” e tudo teria terminado. Mas ele não disse isso, ele falou “Não, eu posso explicar” Tipo, apenas explique; saia disso vivo, e ai explique

Qual foi o melhor aniversario que você já teve?

Eu não sei qual foi o meu favorito, mas eu lembro do meu aniversário de 4 anos. Foi o primeiro aniversario que eu chorei. Eu estava na piscina comunitária da minha vizinhança em Buttonwood Lake Drive, West Boca, e eu nem sabia onde encontrar as crianças, então eu chamei toda a vizinhança. E nós estávamos na piscina comunitária, nós estávamos correndo, e as crianças pegavam os espaguetes da piscina e lutavam com eles. Eu ficava “Isso, eu quero lutar também!” Então eu peguei um e antes de eu me mover, uma criança me acertou nas costas. E eu comecei a chorar muito. Eu chorei, chorei e chorei. E ai eu acho que a minha mãe disse “Está tudo bem”, e eles fizeram a criança se desculpar, mesmo eu sabendo que talvez ele nem quisesse. E ai nós comemos bolo e tudo terminou bem.

Qual é a sua musica preferida para cantar no karaokê?

Eu gosto de “Bulls on Parade”do Rage Against the Machine. Eu sou cantor de rapper no karaoke, não só um cantor. Digo, eu canto, mas eu gosto mais de fazer rap.

Quem é a sua crush do cinema?

A mulher que fez a Trinity em Matrix. Carrie [Ann] Moss. Eu já assisti Matrix umas cem vezes, se não até mais. Eu gosto de todos.

Você acredita que nós estamos vivendo em Matrix?

Sim, até certo ponto. O que é Matrix? Você sabe? Eu acho que todos somos vitimas das nossas próprias precondições.

Você já se fantasiou de Neo no Halloween?

Não. Mas eu já me vesti do M&M verde. Minha irmã era o vermelho e eu o verde.

Você tem alguma habilidade secreta?

Eu sou muito bom em encontrar pontos altos com boas vistas. Eu costumava ir com alguns amigos procurar zonas de construções e nós apenas subimos até o alto. É muito divertido. Eu não faço mais isso.

Como foi o seu primeiro beijo?

Eu estava em um hotel em Century City, e lá havia uma convenção de dança. Eu olhei aquela garota. O nome dela é Mackenzie. Eu fiquei tipo “wow, você é linda”. Eu fui até ela e a chamei para ir ao cinema comigo e um amigo e ela disse “Sim”. Nós fomos ver Cowboys vs. Aliens. Eu lembro muito bem -sabe quando você está em um primeiro encontro? E você está no cinema sentado ao lado dessa pessoa, você é jovem e inocente e você quer segurar a mão dela mas não sabe como fazer isso. Mas ai você coloca o seu braço no descanso de braço- primeiro passo. E ai ela colocou o braço no descanso de braço, e ai você move um pouco a sua mão mais pra perto da dela, e ela move um pouco mais perto da sua. “Ai meu Deus, isso está acontecendo. Eu vou segurar a mão dela!” Então, o filme acaba, nós levantamos e saímos do cinema de mãos dadas. Nós andamos até o hotel e eu a levei até o seu quarto, ela chegou no quarto e eu disse “beijo de boa noite?” E nós demos uma bitoca. Foi menos de um milissegundo, e ela fechou a porta, e foi isso. Provavelmente foi uma bitoca horrível.

Post do dia 07 de Novembro, 2018

Vocês podem conferir as fotos em nossa galeria: http://noahcentineo.com.br/galeria/thumbnails.php?album=49

Como um ator da Disney Channel vai de 800 mil para 13.4 milhões (agora ele tem 16,2M) de seguidores no instagram em somente algumas semanas? Conheça o novo rosto do começo do streaming moderno, onde cultivar fãs nas redes sociais é um caminho para longevidade em Hollywood. “Eu me mudei para o outro lado do país para ser um ator, não um tipo acadêmico. Eu me conheço, eu não vou ser um matemático ou um professor.”

Para a capa do 25 ano da The Hollywood Reporter Next Generation, quatro dos mais brilhantes e talentos em destaque nas telas estão em capas separadas. Eles representam o único e diverso caminhos que um ator pode se tornar em 2018, seja ele um rapper se torna atriz, uma sensação da Netflix do dia para a noite, um contracultura ícone indie que é o rosto de duas franquias, ou o sucesso do primeiro herói negro da Marvel.

“Os seguidores vem da noite pro dia.” Diz Noah Centineo sobre seu sucesso no Instagram – de 800 mil para 13.4 milhões seguidores – nas semanas de 17 de agosto. Quando lançou Para todos os Garotos que já amei. “A carreira não é.” adiciona o garoto de 22 anos que deixou a Flórida no primeiro ano do ensino médio. (‘Se vocês me mudarem para a Califórnia,’ ele disse para os seus pais, ‘ eu vou fazer sucesso, eu prometo.’) e trabalhou duro nas trincheiras da Disney Channel antes do seu estouro em comédia romântica.

O esfregão de cachos Castanhos do Centineo é úmido para a sessão de fotos, a qual terminou com ele embaixo d’água na piscina (ideia dele), ainda vestindo seu jeans e blusa branca. Ele sabe como ter a sessão de fotos que seus seguidores querem.

As estatísticas do Instagram vieram do escritório da Netflix. 16 relatórios, por falar nisso. O serviço não informa um dígito da arrecadação da audiência do filme, mas – como Centineo – está bem consciente que os picos sociais podem gerar um burburinho enorme. Na sua carta trimestral para os acionistas, a companhia incluiu um gráfico conveniente que destacava o antes-e-depois que os jovens talentos da Netflix estivessem no instagram, incluindo as crianças de Stranger Things e A barraca do beijo. Chefe de conteúdo Ted Sarandos também argumentou que trazendo a rede social para as estatísticas da companhia, nada se compara ao Centineo. “Chegou como completamente desconhecido para estrela global no espaço de poucas semanas ou meses deste trimestre sozinho.”

Para continuar o crescimento de seguidores ( está quase em 15 milhões), Centineo enche seu feed do instagram com portratos focados nele em uma cama, semi vestido, segurando flores, uma foto de um ocasional sorriso largo no tapete vermelho com a colega Lana Condor. O banner do twitter dele é uma só palavra – “feels” – e seus tweets seduz com convites recatados como, “Vamos lutar seus demônios comigo.” Ele é o namorado da internet (e moças, ele está solteiro).

Deslizando, os post do Centineo parece uma continuação desatada de performances de um bom garoto que o fizeram famoso. Mas rede social não é uma “extensão de performance”, ele insiste. “Atores ganhadores de oscars teria milhões de seguidores se eles estivessem lá [na rede socia].” Mas oportunidades estão surgindo por causa da sua nova notoriedade?

“Depende de quem está fazendo o filme,” ele diz. “ Eu não acho que Gaspar Noe se importa. Mas a Disney se importou quando eles deram um show para o Jake Paul? Com certeza.”

Centineo já estava trabalhando como um ator e modelo (e tocando bateria e jogando bola ‘em um nível competitivo’) quando ele se mudou para West Hollywood com sua mãe com 16 anos, depois de se tornar um ator de uma linha no show da Disney Austin & Ally para um papel recorrente. Ele se matriculou em um escola pública, mas “eu ficava tipo, eu tenho um retorno de Lab Rats”  – outro show da Disney – “então eu vou faltar as aulas de história. Eu vou me encontrar com a porra do produtor,” ele lembra com risadas. “Faltar a escola virou um hábito.” Depois de descobrir que a Escola de Los Angeles não se encaixava com suas aspirações, ele terminou o primeiro e o último ano em um programa independente de estudo favorecido por crianças artistas. “Eu atravessei o país para me tornar um ator, não um tipo acadêmico,” ele diz rindo. “ Eu me conheço, eu não vou ser um matemático ou um professor.”

Ele fez testes exaustivamente, até que ele gravou um piloto que recusaram. “Eu tinha um contrato de 6 meses que não me permitia fazer teste para mais nada.” ele lembra. “Meu propósito era atuar, quando você tira o propósito de alguém você meio que deteriora ela.” Ele quase desistiu. Então, com 18 anos, ela foi chamado para fazer um drama da Freeform The Fosters; Centineo podia preencher 10 semanas de hiatus com qualquer projeto que ele queria.

“Tudo que eu faço, tudo que eu fiz são passos planejado. Eu não estou perto onde eu quero estar.”

Junto com a estreia de Jackie Chan como diretor, The Diary, esses projetos incluem romances adolescentes que lançaram ele para o começo. No começo de 2017, ele filmou  Sierra Burgess is a Loser  – Um conto Cyrano que teve sua estreia em 30 de Agosto na Netflix. E em Julho ele fez  Para todos os garotos que já amei. O próximo passo do Centineo foi arriscado: Ele demitiu todo o seu time, junto com o advogado Derek Kroger, mas deixando a Associação psicológica americana,  Industry Entertainment  e o empresário Nick Styne. Ele também, no seu aniversário de 21 anos, parou de beber e outras substâncias (“Porra nenhuma, somente café, água e sucos.”)

Uma grande parte do seu ano foi se apresentando para a indústria. “Eu estava tendo duas a três reuniões todos os dias.” ele lembra. As reuniões são o sinônimo do primeiro encontro estranho. “Eu estou sentado em uma sala com pessoas que não me conhecem.” ele diz “Eles falam coisas tipo. ‘De onde você é?’” e eu respondo. “Na porra da Flórida cara. De onde você é?” Centineo se encontrou em uma prisão com a possibilidade do sucesso, mas nada aconteceu, até agora, para mostrar o seu trabalho. Eventualmente, ele encontrou sua introdução. “Oi, eu me chamo Noah. Você não me conhece, mas eu tenho dois filmes  sendo lançados. Se quiser trabalhar junto, eu adoraria ler um script, me liga.” Dois filmes da Netflix, 16,2 milhões de seguidores depois, essas reuniões estão mostrando seus resultados.

Centineo recentemente se reuniu novamente com a companhia que produziu Para todos os garotos que já amei  Awsomeness para o ainda-a-ser-lançado The Stand in, (Agora o filme se chama The Perfect Date) o qual conta a história de uma adolescente juntando dinheiro para a faculdade trabalhando como namorado de mentira. “Sim, eu estava hesitante, porque tem sido tudo que eu interpreto.” ele diz com ainda outro interesse amoroso vindo. Seu gosto pessoal está fora do reino YA e mais perto dos irmãos Coen e o território do Terrence Malick (Cavaleiro de Copas é o seu favorito.) “Tudo que eu faço, tudo que eu fiz são passos planejado. Eu não estou perto onde eu quero estar.” Além disso, como ele diz frequentemente. “Eu amo o amor.”

Centineo vai estar amando o amor de novo no remake da Elizabeth Banks de As Panteras, e ele reservou seu primeiro papel principal em um filme de amor e ação Valet  do diretor de Fauda Assaf Bernstein. Enquanto Millie Bobby Brown tem aproveitado seu sucesso em Stranger Things para um papel no cinema (Sequência de Godzilla do May), Centineo está indiscutivelmente sendo o primeiro crossover da Netflix de streaming para estúdio do seu menos sexy – até agora – filme estável. “Com cer-te-za.” ele diz enquanto aponta. “Eu sou o dono daquela merda.”

Com sessão de fotos feita em Outubro de 2018 com o fotografo Hudson Taylor, Noah estampa a capa da edição de janeiro da revista Seventeen Mexico. Usando uma mistura de Guess, Puma, Nixir e outras marcas, Noah fez um ensaio cheio de simpatia e charme, você pode conferir as fotos em nossa galeria: https://bit.ly/2CECV0j

O galã que nosconquistou por sua atuação, por seu físico, mas acima de tudo, por seu carisma, veio para ficar.

Se você aproveitou sua férias de verão para ver algumas séries e filmes como nós, então você terá adicionado Noah Centineo á sua lista de paixões. Você o viu em Para Todos Os Garotos Que Já Amei e Sierra Burgess é Uma Loser, e nós apostamos que ele ganhou rapidamente um lugar em seu coração. Por essa razão, tivemos que entrevista-lo para que você o conhecesse um pouco mais. Temos certeza de que se você não o amou, depois de ler isso, ele irá substituir o crush dos seus sonhos.

17: Conte-me sobre como sua carreira começou e o momento em que você decidiu se tornar um ator.

NC: A primeira vez que passou pela minha cabeça sobre me dedicar a atuar, foi quando minha irmã ia fazer um teste e eu tive que acompanhá-la. Quando chegamos lá, eles me pediram para fazer um teste também. Lá percebi o quanto gostei. Meu primeiro papel foi quando eu tinha 9 anos de idade em um filme musical independente.

17: Se você não estivesse atuando, o que você acha que estaria fazendo?

NC: iUfff! É uma boa pergunta… Talvez seria algo relacionado à moda ou fotografia.

17: Como foi sua experiência de se mudar para Los Angeles para perseguir seu sonho de ser ator?

NC: Eu estava muito animado, mas cheio de incertezas. Era só minha mãe e eu. Fui para a escola e todos os dias fazia algo relacionado a atuar até que tive que parar de estudar porque não tinha mais tempo.

17: Como foi o processo de casting de Para Todos Os Garotos que Já Amei?

NC: Eu me lembro de uma boa anedota {momento engraçado ou importante} de quando fui ao teste. Sempre que eu estava na sala de espera para um processo de casting, eu tentava passar minhas falas com alguém. Nesse dia eu me encontrei com Lana Condor e perguntei se ela queria passar as falas comigo e ela disse não. Várias semanas depois voltei ao teste que é feito para ver a química entre os personagens e lá estava a Lana. Eu não me lembrava mas ela me contou a história e como ficou surpresa por ela não estar com raiva ou algo assim.

17: Como no filme… Você já escreveu uma carta de amor para alguém?

NC: Claro! Quando estou em um relacionamento sou muito romântico.

17: Como você se sente sobre o efeito que você causou com esse filme que faz todas as garotas ao seu redor se apaixonarem por você?

NC: (Risos) Eu acho que todos nós amamos o amor e amamos estar apaixonados. Peter Kavinsky, meu personagem, é muito carinhoso, gentil, inteligente, protetor e carismático e tudo isso faz dele um grande parceiro. Quando você vê o filme, você pode pensar que quer se apaixonar por alguém assim.

17: E quando você quer conquistar alguém na vida real, como você é? Tímido ou garanhão?

NC: Há uma parte de mim que é super tímido. Sempre que estou nessa situação, sinto um pouco de vergonha e nervosismo no começo, mas supero quase imediatamente e eu me forço a fazer coisas em vez de manter meus braços cruzados com vergonha. É algo que minha mãe me ensinou para a vida: sempre que você quiser fazer algo e se sentir assustado, conte até 3 e ative o interruptor. Apenas faça isso!

17: Você também foi o galã de Camila Cabello no videoclipe de Havana, como é trabalhar com ela?

NC: Ela é muito gentil e muito trabalhadora. Ela é adorável, inteligente e muito talentosa. Ela realmente cuida de si mesma, da sua família, do seus fãs e do mundo. Foi um prazer trabalhar com ela.

17: Sobre Sierra Burgess Is A Loser, o que você acha que tem em comum com seu personagem?

NC: Eu acho que Jamey é um personagem muito emocional, inteligente e sensível. Eu me sinto mais identificado com ele do que com Peter Kavinsky (Para Todos os Garotos que Já Amei).

17: Entre Jesus Foster, Peter Kavinsky e Jamey, qual seria seu personagem favorito?

NC: Mmmm.. Eu gosto do Peter… Não. Eu gosto de Jesus Foster… Eu não sei. Eu gosto dos três.

17: Se isso acontecer com você como no filme e você descobre que você está se apaixonando por uma pessoa que não é quem você realmente pensou que ela era, o que você faria?

NC: Depende do que me prende para estar com a pessoa. Talvez se eu começar, eu não continue. Eu não sei, tenho que pensar.

17: Qual é a memória mais engraçada que você tem de trabalhar na Sierra Burgees is a loser?

NC: É provavelmente quando estávamos todos sentados juntos em um intervalo entre as cenas. Eu simplesmente amei estar com o resto do elenco, com Shannon e Kristine. Eu poderia trabalhar com eles por muito mais anos.

17: Você se lembra da sua experiência de convidar alguém para sair com você em um encontro?

NC: Eu estava apavorado! É sempre assustador… Mas eu adoro sair em encontros. Há muitas garotas da minha idade que ainda não têm um primeiro encontro e quando saímos e elas me dizem isso, é como: ‘O que? ‘É uma honra para mim e sinto muito ao mesmo tempo.

17: Qual é o melhor conselho que você recebeu para a vida?

NC: Respire! Quando você está prestes a fazer algo, você está morrendo de medo. Pare por um segundo, relaxe e respire fundo. Respirar pode ajudá-lo a superar qualquer situação.

Escrito por Vas Morgan.

12 de Dezembro, 2018.

Adolescentes por todo o mundo tem se apaixonado por Noah Centineo  o “namorado da internet” depois de o ver  não só um, mas em duas comédias românticas na Netflix no último verão: “Para Todos os Garotos que Já Amei” e “Sierra Burgess é uma Loser”

Nos dois filmes ele interpreta personagens parecidos que são garotos sensíveis e legais – sempre com interações ligeiramente diferentes de um garoto perfeito que mora na porta ao lado, escrito para uma geração de garotas jovens (e garotos) que ainda não desistiram do mundo. E mesmo que a Netflix ainda não tenha relevado os números de quantas pessoas assistiram aos filmes, é seguro dizer que as visualizações dos projetos do Centineo estão entre os dez (talvez cem) milhões.
Em poucos meses ele foi de 600,000 seguidores no Instagram para 15 milhões e continua crescendo. E você, querido leitor, provavelmente é um deles.

“Levam anos de dedicação para fazer sucesso”, diz Centineo, que está na sua luta em Hollywood por quase uma década, fazendo pequenos papéis durante os anos na Disney Channel em “Austin & Ally” “Como Criar o Garoto Perfeito”, é um papel na série da Freeform “The Fosters” – Que o fez receber um prêmio de “Estrela da TV” em 2017 no Teen Choice Awards: E mais recentemente, teve a oportunidade de interpretar o crush de Camila Cabello no viral clipe de “Havana”.

Quando ele tinha 15 anos, Centineo (agora tem 22) vivia em Boynton Beach, Florida, quando ele assistiu um episódio de “Brilhante Victoria” na Nickelodeon – uma série sobre adolescentes que, assim como ele, na época, estudavam artes na escola. Isso o fez traçar um paralelo entre a sua vida é aqueles personagens daquela série na TV, então ele pensou em atuar.

“Enquanto eu assistia a série, eu pensava em mim mesmo, eu realmente posso fazer o que eles fazer. Eu sei que eu posso” Centineo disse. Então ele desceu as escadas e contou aos seus pais que ele queria se dedicar a atuação, e sem hesitar eles concordaram em se mudar para LA. “Eu sou muito privilegiado por ter país que não apenas me apoiam emocionalmente, mas financeiramente também”, ele diz, parecendo realmente tocado pela generosidade dos pais.
Ele sabe que nem todos os pais de estudantes do ensino médio fariam isso.

Os estilo de Noah, o cabelo despenteado, o sorriso lindo e os olhos castanhos são coisas que ou você tem, ou não tem.
Mas o apelo nas telas da Flórida não são só ilusão. Ele é mais do que um rostinho bonito; ele é verdadeiro. Você não pode fingir carisma igual ele. E talvez seja por isso que os seus pais o apoiaram e seguiram o seu filho para o oeste.

“Meu pai está pirando” Centineo diz sobre a reação da sua família com o seu atual sucesso. “Ele é amigo de todas as pessoas que me seguem. Ele interage com eles todos os dias e fala como eu estou. E a minha mãe está muito feliz. Os dois estão muito orgulhosos” é justo dizer que Centineo está tendo o seu momento. Uma pessoa que era desconhecida virtualmente nesse momento no ano passado  virou o homem que toda garota sonha como o cara ideal dele ser, agir, falar e até se vestir. Isso é muito para qualquer um lidar, mas Centineo – sempre um cavalheiro – não deixou a fama subir a cabeça. “Eu gosto de pensar que independentemente se as pessoas estão olhando pra mim ou não, eu sempre vou tratar as mulheres com respeito e dignidade” Centineo diz.

“Agora que eu estou aos olhos do público, eu tenho concedido uma plataforma para compartilhar a minha perspectiva de como tratar as mulheres e dar valor a elas. Com grandes poderes vem grandes responsabilidades. Mas eu não sinto pressão nenhuma, eu apenas vejo uma oportunidade de dar um exemplo” 

Escrito por Leora Heilbronn
17 de agosto de 2018.

Prepare-se para ter o maior crush por Noah Centineo. O ator nascido na Flórida interpreta o protagonista masculino em duas das maiores comédias românticas do verão – Para Todos Os Garotos Que Já Amei e Sierra Burgess é uma Loser, respectivamente – e alguns podem dizer que ele é a razão pela qual o gênero está de volta e melhor do que nunca. Quando falei com ele ao telefone recentemente, eu achei o Centineo refrescantemente honesto, sábio além de seus 22 anos (ele refletiu abertamente sobre sua vida e carreira com a iluminação de uma alma antiga) e encantando além da crença.

A sequência é uma versão condensada e editada da minha entrevista por telefone com Noah Centineo.

Brief Take: Eu amei os seus filmes do Netflix e achei que você trouxe tanta profundidade aos dois papéis que poderiam facilmente ter sido o interesse amoroso unidimensional, nas mãos, de um ator menor. O que você mais gostou de interpretar em Peter – Para Todos Os Garotos Que Já Amei e em Jamey – Sierra Burgess é uma Loser?

Noah Centineo: Eu realmente aprecio você dizendo isso. O que é bom em ambos os personagens é que eles são atletas na superfície, mas se você descascar suas camadas, eles têm profundidade entre eles. Tive a sorte de ter os escritores desses filmes para certificar de que havia profundidade para ambos os personagens. Se eles não foram escritos dessa maneira, nenhum dos personagens seria como você os viu. Adorei a cena em Para Todos Os Garotos Que Já Amei onde Peter está conversando com Lara Jean e ela diz para ele “Eu tenho medo do amor”, e ele diz “Por que??”. Ele realmente a puxa para fora de sua zona de conforto e a encoraja a lutar contra seus medos.

BT: Ambos os filmes também ensinam meninos e meninas a amar livremente e que está tudo bem em ser você mesmo. Essas são mensagens tão estimulantes que estão atraindo um público mais jovem nos dois filmes principais.

NC: Tão verdadeiro! Eu acho que em ambos os filmes, especificamente em Sierra Burgess, eles estão dizendo para você abraçar suas inseguranças e enfrentar seus demônios interiores. Eu acho que abraçar suas inseguranças é tão importante na vida. Eu estava tendo um ataque de pânico uma vez e vi este sinal que dizia: “o que você evita controla você”, e é verdade!

Eu acho que o que eu realmente quero é que as pessoas tirem de Sierra Burgess é que você deve abraçar suas inseguranças porque você é quem você é, e está tudo bem. Somos todos pessoas inseguras por dentro e lutamos todos os dias. Então, até que você ame essas partes de si mesmo, você nunca será capaz de experimentar amor verdadeiro fora de si mesmo também. Com Lara Jean, esse caminho é assustador, mas nós temos nossos corações quebrados. Sua mãe faleceu quando ela era muito jovem e isso foi muito difícil para ela. Por causa disso, ela não desenvolveu relacionamentos dentro do mundo exterior. Ela também tem medo de ser honesta com sua família. Temos que ser honestos conosco mesmos e com nossas famílias. Mas eu realmente acho que ambos os filmes são tão incríveis.

BT: Sua família já viu os dois filmes?

NC: Não. Minha irmã assistiu Para Todos os Garotos e ela gostou muito. [risos] Ela me disse que era a coisa favorita dela que eu já fiz. Eu achei que isso foi adorável porque eu acho que ela é ótima e o fato dela gostar do meu trabalho é incrível.

BT: Vamos falar sobre suas principais protagonistas – Lana Condor e Shannon Purser. Eles são super talentosos, mas também são da Terra, mulheres humildes. Como foi trabalhar com eles?

NC: Gosh, bem, eles são ambas deusas andando neste planeta. Shannon é a mais doce quando você está com ela. Ela é tão amorosa e honesta e disposta a falar sobre qualquer coisa. Ela é tão inteligente também, ambos são na verdade! Você pode se sentar lá e falar sobre o mundo e ambos serão tão honestas e genuínas com você. Trabalhar com a Lana em Vancouver foi simplesmente incrível, porque nós nos encontrávamos o tempo todo. Quando você vem de L.A. e eles o levam para um país diferente para trabalhar, você realmente fica junto com seus colegas de elenco.

BT: Você também coincidentemente atuou ao lado de duas muito talentosas Camilas – Camila Mendes no próximo The Stand-in e Camila Cabello no videoclipe de Havana. O que você mais gostou de trabalhar com eles?

NC: Eu sou tão apaixonado por ambas. [risos] Eles são pessoas talentosas, inteligentes, bonitas e incríveis.

BT: Eu realmente aprecio que você tenha trabalhado em uma base contínua e apoiado por escritoras e diretoras. De Susan Johnson e Sofia Alvarez em Para Todos Os Garotos para Lindsey Beer em Sierra Burgess, entre muitas outras. Chegando, parece que você será dirigido por Troian Bellisario em um episódio de Good Trouble, spin off de The Fosters.

NC: Obrigado. Eu gosto de apoiar cineastas e aquelas mulheres que você mencionou, suas carreiras estão realmente avançando e estou muito orgulhosa delas. Para eles me envolverem no que estão fazendo, acho que é aí que está a verdadeira apreciação. Quanto a Good Trouble, não tenho comentários sobre isso. Honestamente, eu diria a você se tivesse uma ideia melhor, mas não tenho! [risos] Eu não posso esperar para descobrir o que está acontecendo com isso, você está brincando?! [risos]

BT: Você tem uma base de fãs tão dedicada vinda do seu trabalho no The Fosters. Quais são algumas reações dos fãs do seu trabalho naquele(a) série/programa que permaneceram com você?

NC: Oh cara, isso foi tão legal porque houve momentos em que eu estaria andando pela minha cidade natal, na Flórida. Então, houve ocasiões em que eu seria abordado por alguém na faixa dos 30 ou dos 40 anos que tivesse passado pelo sistema de assistência social e conversávamos por um longo tempo. Eles diziam “Quero que você saiba que eu simplesmente amei a série/programa porque sou um filho adotivo”, e discutimos sobre tudo isso. É muito gratificante poder dar voz para filhos adotivos e fazer algo que seja tão relevante. The Fosters também me deu a chance de me relacionar com qualquer pessoa que passou por esse sistema. É incrivelmente gratificante para mim fazer um trabalho que se conecte com as pessoas.

BT: Quem são alguns dos seus colaboradores de sonho?

NC: Ah cara, Gaspar Noé é alguém com quem eu adoraria trabalhar! Eu também adoraria trabalhar com os irmãos Nolan, Matthew McConaughey, Mark Ruffalo e Margot Robbie, porque ela tem feito ótimas coisas na indústria. Ela é imensamente talentosa e eu ouvi que ela é uma pessoa muito legal também. Eu realmente gosto de fazer parte desta indústria e gostaria de continuar apoiando o movimento das mulheres neste campo. Além disso, encontrar as histórias certas será fundamental para mim, avançando, porque quero que elas sejam tão impactantes e relacionáveis ​​quanto os projetos que fiz no passado.

Para Todos Os Garotos Que Já Amei e Sierra Burgess é uma Loser  estão atualmente em transmissão no Netflix.

A primeira coisa que Noah Centineo faz é tirar a blusa. Quando isita a sala verde da Bustle em Setembro, está muito quente – embora tenhamos equipado um pequeno ventilador para nos ajudar – então Centineo está tirando sua jaqueta e colocando de volta suas roupas casuais. Faz somente algumas semanas desde o mundo o viu em seu papel de destaque como Peter Kavinsky em To All The Boys I’ve Loved Before. E somente dois dias depois de sua visita à Bustle, Netflix lançaria sua segunda comédia-romântica de verão, Sierra Burgess Is A Loser, estrelando Centineo ao lado da estrela de Stranger Things, Shannon Purser. Mas somente no mês passado, muita coisa mudou para o jovem ator, que imediatamente passou a ser chamado de namorado da internet e já ganhou 9 milhões de seguidores no Instagram. E apesar de estar insuportavelmente quente lá fora (e nessa pequena sala), Centineo é muito relaxado.
Leva, aproximadamente, dois minutos saindo com ele para que eu note que Centineo é o Protagonista Masculino Evoluído™ que ganha vida. Ele tem uma barreira, mas é incrivelmente introspectivo. Ele fala sobre textos religioso; mas canta “The Nights Is Still Young” de Nicki Minaj durante sua sessão de fotos. Ele agradece seus pais, tempos sombrios, e coração partido por ter o ensinado à respeitar os outros. “Você aprende dessas experiências que podem ser traumatizantes,” ele me diz. E agora ele faz personagens como Jamey (em Sierra Burgess) e Peter (em To All The Boys,) que não são “agressivos” ou “hiper-masculinos” como protagonistas de comédias românticas do passado (ex., John Bender em Clube dos Cinco), marcando uma mudança no que devemos esperar de homens protagonistas. “Acho que o que a cultura vê como apropriado, aceitável, e atrativo em um homem está mudando,” ele diz quando sentamos para conversar.
De acordo com Centineo, que neste ponto já dobrou – e então desdobrou – suas pernas em uma posição de pretzel no sofá, o homem moderno é “um homem que consegue igualmente proteger e ser agressivo quando necessário por amor – mas também tem uma inteligência emocional,” adicionando, “eu acho que estamos nos tornando mais conscientes como sociedade e mais educados sobre o que é saudável.”
Têm sido umas semanas “loucas” para o ator de 22 anos, que pouco de incomoda com sua nova fama. “Não é como se tivesse 8 milhões de pessoas me seguindo pelos lugares durante todos os momentos,” ele me diz quando eu pergunto se é muito assustador ser a nova obsessão da internet. Afinal, antes de To All The Boys ter sido lançado em Agosto, Centineo já atuou como vários personagens, incluindo um protagonista em The Fosters da Freeform por 3 anos, mas nada foi parecido com a estreia do filme baseado na trilogia de Jenny Han. “Para ser honesto,” Centineo diz, “é quase como vêm sendo desde que entrei para The Fosters,” embora ele admita que agora tenha “uma maior escala.” Fica imediatamente claro para mim que “maior escala” é um grande eufemismo.
Você deve assumir que esse tipo de fama do dia para noite – “instantânea” como Centineo diz – é assustadora. Desde o fim de semana que To All The Boys foi lançado, Centineo ganhou mais de 10 milhões de seguidores. Pessoas estão se editando em fotos com ele, ele está recebendo pedidos de casamento online, e as pessoas seguindo ele? “Sim, isso acontece,” ele diz. Apesar disso, entretanto, você não achará Centineo dizendo nada negativo sobre as oportunidades que vêm recendo. “É adorável,” ele diz, com total sinceridade.
“Você aprende dessas experiências que podem ser traumatizantes… Você entende o que significa ser verdadeiramente machucado.”
O Protagonista Masculino Evoluído™ por quem o público e os milhões de seguidores de Centineo se apaixonou vai além da tela e sua vida real. Ele é lindo; depois de ir – quando eu posto uma selfie com ele no Instagram – fãs do mundo todo me mandam DM perguntando qual o cheiro dele. Ele é atencioso; em algum lugar entre falar sobre como Mark Ruffalo em De Repente 30 estava além do seu tempo e Deus (sim), Centineo levanta para reajustar o ventilador para que assim não “ventasse diretamente em nós.” E, ele é bem intencionado; ele espera que seus tweets – os que, ás vezes, soam como postagens de Tumblr – “despertem uma conscientização,” adiciona, “se eu posso, de alguma forma, levar um momento de reflexão para alguém que lê algo que posto ou vê algo que faço, é realmente animados para mim.”
“Você fica bem profundo,” eu digo, assim que começo à ler para ele um tweet que postou em Novembro sobre Deus, em que diz:
“Deus? Não, nunca conheci o cara, mas se tivesse que imaginar, diria que ela é um travesseiro macio, uma cama confortável e uma comida quente. Talvez uma boa companhia num tempo ruim. Talvez eles sejam a razão de você ter ficado atrasado e não ter batido o carro. Não sei, talvez você seja eu.”
“Eu amo esse tweet, em particular,” Centineo diz, em seguida explicando: “O patriarcado criou esse conceito de Deus. Não posso denunciar o Cristianismo – eu não posso denunciar nenhuma religião… Acho que há algo para ser aprendido de todos os textos religiosos, sejam eles comerciais ou tipo, A Tábua de Esmeralda ou algo similar.”
“Direi,” ele diz, pausando para ajustar seu corpo em uma posição mais confortável, “É interessante que Deus é um “ele” para os Cristãos. Se eu fosse mulher, eu não sei bem como ficaria, tipo, “Sim, é Ele. Com E maiúsculo.”
Tweetar – e as redes sociais, como um todo – são uma “ferramenta para que as pessoas vejam dentro de minha cabeça e como eu vejo as coisas,” Centineo diz. Ele também sabe que com uma plataforma tão grande como a sua, ele precisa ser cauteloso com o que diz. Ele viu o que acontece; seu parceiro de trabalho em To All The Boys, Israel Broussard, enfrentou uma enorme reação contra tweets antigos ofensivos que ressurgiram. “Todo mundo foi contra Israel por coisas que ele estava retweetando e pelas coisas que ele estava dizendo, e compreensivelmente,” Centineo diz. “Conheço Israel há sete anos. Ele opera de um lugar de amor. Ele é uma das pessoas mais amáveis que conheço. Ele jamais machucaria alguém. Ele pode ser abrasivo com suas opiniões às vezes, absolutamente.O fato sobre Israel é que ele vai dar sua opinião, mesmo que não seja de sua conta, quase como alguém que está no meio de suas pessoas debatendo e fala algo somente para mostrar outra perspectiva,” Centineo diz. Ele não concorda com “muitas coisas que ele postou,” somente “as coisas positivas e as coisas que posso deixar para trás.”
“Isso definitivamente me lembra, sim cara, tome cuidado,” ele diz, “embora eu ache que não nos alinhemos muito.”
Deve haver muita pressão, sugiro no meio de nossa conversa, em ser visto como o adorado namorado da internet. Pessoas no Twitter estão constantemente tweetando sobre precisar achar seus próprios Peter Kavinsky na vida real (ou – sonhar – casar-se com Centineo). Se há pressão em viver de acordo com as personalidades de caras legais de Jamey ou Peter, Centineo não demonstra nem um pouco. Ele não sente como se tivesse que viver para ninguém, na verdade. “Não existe obrigação, ou você deveria, ou você não deveria,” ele diz. “Existe o que é normal, e o que é esperado, e existe somente o que é ser educado, e uma pessoa reverente.”
Ele completa: “Só porque esses dois personagens que tive a sorte o bastante de interpretar são [essas coisas], isso certamente não será o motivo pelo qual eu respeito as pessoas e me comunico efetivamente e sou capaz de ser reverente diante de outras pessoas.” Ele diz que experiências traumáticas e “realmente aprender o que significa ser machucado” o guiaram a perceber a gravidade de suas ações, ações de outras pessoas e palavras. “Você só toma mais cuidado com outras pessoas através delas [experiências]”
Honestamente, você acharia que Centineo viveu seis vidas quando fala com ele. Quem sabe – talvez ele tenha. Nessa vida, aquela que me juntou a ele em uma sala pequena, superaquecida, ele seria o que você considera muito mais sábio que os seus 22 anos. (Ele lê livros como Ishmael de Daniel Quinn e Blasfêmia de Douglas Preston. “É um conto fictício, mas é lindo,” ele diz sobre o último.)
Ele tem grande esperança em sua geração, que, tecnicamente, é a Geração Z, embora ele se identifique tanto com a Geração Z, como Geração Y (em nossa conversa, ele me recorda que sou da Geração Y, enquanto ele nasceu em 96, então está “bem na beira”) e torce o nariz com a ideia de que pessoas “da nossa idade” não viveram totalmente.
“Acho que [nossa geração] é capaz de que muitas perspectivas diferentes e estilos diferentes de vida agora por conta da internet e das redes sociais,” ele diz. “Não temos somente que engolir as pílulas que nossos pais nos dão. Somos capazes de ver de forma diferente do que a que os pais criam seus filhos e realmente aprender dessas coisas. É mais um modo de comunal, como um tipo eclesiástico.”
A maneira que Centineo fala e pensa é impressionante. Ao mesmo tempo, sei que ele é um rapaz de 22 anos, então me pergunto o que ele faz para se divertir. “Tipo, você realmente ama Game of Thrones?” pergunto.
“Sou um caçador de emoções,” ele diz sem, literalmente, nenhuma hesitação. “Eu escalei o topo de um guindaste até o controle da missão há tipo, 200 pés do chão… até o topo do guindaste e me pendurei para fora dele.” Ele faz tudo isso: Bungee jumping, para-quedismo, qualquer coisa que faça seu corpo doer só ao ouvir falar sobre. “Sou muito imprudente se me deixar seu,” Centineo diz.
Estava correndo em fumaça, e estava ficando chapado de tanta fumaça em que estava correndo.
“Imprudência” nem sempre significou representar uma cena de algum filme do Rock. Ano passado, no aniversário de 21 anos de Centineo, ele decidiu ficar sóbrio durante o ano. “Antes disso, eu ia para festas, experimentando e sendo totalmente imprudente e solto – simultaneamente, cuidando de uma careira,” ele diz. “Estava correndo em fumaça, e estava ficando chapado de tanta fumaça em que estava correndo.” Ele diz que qualquer decisão que tenha feito e se arrependido foi durante a parte de sua vida antes de ficar sóbrio. “Normalmente [quando eu tomei essas decisões] eu estava sob efeito de alguma substância.”
“Eu acordei no dia anterior aos meus 21 anos e estava tipo ‘a sociedade diz que posso beber legalmente agora… engraçado, tenho feito isso e coisas piores durante os últimos três, quatro anos.” Ele vê esse ano de sobriedade como um ato de rebelião contra a sociedade que o permitiu ser rebelde. “É um ato de amor próprio,” ele diz. “Tenho sido diferente.”
Embora ele não esteja mais sóbrio, ele diz que esse ano foi crucial à sua saúde. “Aprendi a importância de tomar conta de mim mesmo, [de] fazer eu mentalmente, emocionalmente, espiritualmente, e fisicamente são. Uma coisa sempre se conecta com a outra.”
Pergunto para Centineo qual é sua meta na vida, o dando liberdade para responder à pergunta com relação à sua vida pessoal, seu trabalho, ou qualquer outra coisa. Embora tenha tirado o ano para focar em sua saúde, tenha escalado guindastes de construção, contemplado Deus, e estrelado dois filmes de verão blockbuster, ele está claro sobre suas intenções. Ele respondeu à pergunta suavemente – falando em um tom quieto, comparado ao resto de nossa conversa – claramente grato pelas oportunidades que têm recebido. “Eu acho que tenho muito mais à oferecer no espaço de comédia romântica,” ele diz. Ele acredita que se alguém o perguntasse quais suas novidades, ele diria que “ainda não aconteceram:” “Eu gostaria de dizer que minha maior novidade está sempre à minha frente,” ele explica. Também, à frente dele estão suas esperanças de dar mais ao mundo da arte e às parcelas, assim como galerias e palavras faladas. “Somente expressão,” ele diz confiantemente.
“Não tenho um objetivo no que diz respeito à minha vida,” ele diz. “Sinto que se estivesse morto, seria mais fácil te dizer. Retrospectiva é 20/20.”

Na segunda-feira (24/09), Noah estava caminhando com amigos em Hollywood Hills. Como de costumes, fãs o pararam, pediram abraços e fotos. Uma delas contou ao NoahCentineoBra como foi o encontro. Confira:

“Chegamos ao local e ele ainda estava lá, fez um gesto com a mão e disse “Oi meninas”, então saímos do carro e sorriu para nós e disse: “Posso tirar uma foto” e tiramos com a sua câmera. Na câmera dele tem uma foto nossa.
Nós rimos e eu me aproximei dele para abraçá-lo. Eu não queria deixá-lo ir, estar em seus braços é você se sentir como se você pertencesse lá, você se sente protegido e é um sentimento maravilhoso! Então ele nos disse para tirar uma foto com ele, ele não parava de sorrir e fazer piadas. Ele era muito humilde e carinhoso, e nos fez sentir como se conhecêssemos por anos, eu disse para uma amiga que tirasse uma foto com ele e eu disse “ok amy” e ele disse “dale chiquita” Morremos e revivemos umas dez mil vezes.
Eles nos perguntaram de onde éramos e falamos que éramos da Espanha e da Venezuela, ele nos fez a piada por termos o sotaque com o “z”. Voltei a abraçá-lo e fiquei grudada nele por alguns segundos e minha amiga veio tirar foto desse momento e fizemos uma foto de grupo.
Ele disse “muito obrigado por vir, prazer em conhecê-las” e abriu meus braços para que eu pudesse abraçá-lo. Eu queria morrer, senti que meu coração estava conectado com o dele, e que me roubou para sempre, eu não queria deixar ir. Foi incrível, nos fez sentir confortáveis ​​e à vontade.
Ele parecia tão feliz, e ele realmente gosta de estar com seus amigos e conhecer os fãs.

Outra fã deu seu relato também:

“Quando estávamos a caminho da montanha com o carro do Uber, estávamos subindo e eu disse ao motorista para parar à direita porque havia carros estacionados. Quando o carro parou, estava bem ao lado do carro de Noah com seus amigos. Ele olhou para nós e nós olhamos para ele. Saímos do carro um de cada vez e minha amiga Maria disse a ele “nós viemos ver você” e eles começaram a rir. Quando saímos do carro, ele estava com a câmera na mão e nos disse que se quiséssemos uma foto, então ele tirou uma foto com a sua câmera e a guardou de volta. Como éramos quatro, dois estavam perto na estrada, mas minha amiga Noor e eu estávamos mais do lado de fora. Noah nos viu e disse “saia da estrada, saia da estrada, cuidado”. Quando estávamos na calçada, nós o abraçamos um de cada vez. Seus amigos nos perguntaram como havíamos encontrado aquele lugar e de onde éramos e contamos a ele sobre a Espanha. Nós fomos um a um abraçando ele e tirando uma foto. Fui a última a tirar uma foto com ele e quando me toquei fui até ele abraçá-lo e ele me recebeu de braços abertos e um grande sorriso. Seus braços são incríveis e ele te abraça tão forte. Você se sente muito protegido em seus braços. Dei meu celular para minha amiga Noor para que ela pudesse me gravar. Enquanto outra amiga Kei me disse “pronto Amy” e Noah disse “pronto chiquita”. Eu estava abraçando-o por um tempo quando minha outra amiga Noor disse, “ok, já foi”, e Noah achou graça e disse “já já” e riu. Depois da foto comigo ele se aproximou do meu rosto enquanto ria e eu fiquei tão envergonhada que me virei e disse “obrigada” e ele respondeu “por nada”. Ele se colocou na frente de nós e nos disse “obrigado por ter vindo” e ele nos abraçou uma por uma de novo. Em todo esse momento, seus amigos foram muito gentis conosco conversando conosco. Nós cruzamos para pegar o Uber e entramos no carro. Uma vez lá dentro, rimos e gritamos muito.
Foi uma experiência incrível e nunca esquecerei isso.”

Confira algumas fotos:

 Dn8yIqmXUAEltDz.jpgDn80XWAX0AETWcG.jpgDn80XXVXcAwaIyc.jpgDn8yIpRXoAASR15.jpgDn8yIo5XcAAANWX.jpg

Dn8yHxKW0AA1eMf.jpgDn8yHxHX0AUFru2.jpgDn8yHxCXsAAT14-.jpgDn8yHxEXsAA7qQe.jpgDn80XWzX0AERQUu.jpg

A estrela de Para todos os garotos que amei, Noah Centineo é o novo namorado da Internet,

Mais um fim de semana, outro romance original da Netflix para se apaixonar.

O serviço de streaming lançou para todos os garotos que amei , e a adaptação do livro de 2014 de Jenny Han é imperdível, da doce e sonhadora Lana Condor uma garota do ensino médio que escreve cartas de amor que ela nunca pretende enviar para a o John Corbett como seu charmoso pai solteiro, se não muito legal.

E então há Noah Centineo, que interpreta Peter Kavinsky, um cara relaxado com um coração de ouro que faz ciumes em sua malvada ex namorada com uma relação falsa com  Lara Jean Covey (Lana Condor) , que está ansiosa para escapar de um potencial triângulo amoroso com o ex de sua irmã. . Mas – alerta de spoiler – acontece que fingir estar apaixonada pelo Peter é mais fácil falar do que fazer. (Quero dizer, olhe para o rosto dele.)

Agora que a Centineo oficialmente alcançou o status de “namorado da internet”, aqui estão cinco coisas para saber sobre a estrela em ascensão de 22 anos.

Você talvez reconheça-o de The Fosters.

Centineo substituiu Jake T. Austin como Jesus Adams Foster para as temporadas 3-5 do drama famíliar da Freeform.

Ele não era “legal” no ensino médio.

Nascido em Miami, Centineo frequentou o ensino médio em Boca Raton, Flórida, por quase dois anos antes de se mudar para o LA – mas ele insiste que não era popular como Peter. “Eu era como aqueles garotinhos bobos que sempre faziam piadas ou sentava no final da sala e não escutava nada do que o professor dizia”, disse ele a Vulture. “Eu não me saí bem na escola e realmente não me importei em atender a certas estruturas sociais que estavam no lugar para ser legal.”

Metade do seu coração está em Havana ooh na na.

Centineo interpreta o interesse amroso de Camila Cabello em seu videoclipe “Havana”, ganhando um tapa na cara e um abraço apaixonado da estrela pop.

Ele é a sósia de Mark Ruffalo.

Centineo disse ao Vulture que as pessoas dizem que ele se parece com a estrela dos Vingadores “o tempo todo” – mesmo em testes. “Eles seriam como ‘Sim, ele é um pouco verde, mas você nos lembra Mark Ruffalo’. E eu acho ótimo”, ele disse. “Eu acho que é apenas minhas maneiras, como o jeito que eu falo, o jeito que meus olhos se movem quando eu estou pensando …? Eu não sei!”

Esta não é a sua única comédia romântica Netflix.

Ele estrela em Sierra Burgess Is a Loser (sim, o filme do herói desconhecido, Barb de Stranger Things), programado para ser lançado em 7 de setembro.

Traduzido e adaptado pela equipe Noah Centineo Brasil. Não copie ou reproduza sem os créditos!

Fonte

noah centineo

É com muita felicidade que abrimos o primeiro site e galeria dedicado inteiramente ao ator Noah Centineo.

Aqui, você irá encontrar fotos, vídeos, entrevistas e muito mais. Acesse sempre o site e nos siga nas edes sociais para ficar sempre informado sobre tudo o que acontece na vida e carreira do ator.

Twitter  –  Facebook    –   Instagram   –   Youtube   –   Curiouscat   –   Vimeo

Navegue pelo site que já consta com alguns conteúdos como entrevistas, biografia completa do Noah e uma galeria de fotos atualizada.

Acesse as paginas abaixo para saber mais sobre o Noah

  • Biografia
  • Filmografia

Tem curiosidade para saber quem está por trás do Noah Centineo Brasil ou quer entrar em conato conosco? Acesse as paginas do site:

  • Equipe
  • Conato
  • Sobre o site

Nosso layout foi criado e desenvolvido por Lannie Design.

Layout criado e desenvolvido por Lannie.D - Host: flaunt
Noah Centineo Brasil 2018 | Todos os direitos reservados